Imigração para Investidores

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no pinterest

Para você que tem interesse em imigrar para o Canadá como autônomo/investidor, seguem as informações iniciais sobre programas de investidor, self employed, LMIA e LMIA Owner Operator.

Investidor – Vir para o Canadá como investidor requer que o aplicante prove um determinado valor de patrimônio e esteja disposto a investir uma determinada quantia para a compra ou abertura de um negócio no Canadá. O valor do patrimônio e do investimento varia de acordo com o programa.

É importante que o aplicante tenha experiência na administração de empresas, além de outros requisitos.

Para fazer uma aplicação como Self-employed, a pessoa tem que ter pelo menos dois anos de experiência profissional como autônomo em atividades culturais ou esportivas, ter o objetivo de continuar como autônomo no Canadá e provar que pode contribuir com a economia do Canadá em uma das áreas exigidas.

A experiência precisa ser:

Em atividades culturais

A – Dois períodos de um ano como self-employed em atividades culturais

B – Dois períodos de um ano participando no nível mundial de atividades culturais ou

A combinação do período descrito no A e do período descrito no B

Para atletas:

A – Dois períodos de um ano como self-employed como atleta

B – Dois períodos de um ano participando no nível mundial como atleta ou

C- A combinação do período descrito no A e do período descrito no B

Lista de profissões elegíveis: https://noc.esdc.gc.ca/Structure/Hierarchy/65084740b31e44fabc136347967ef161?objectid=%2Fd0IGA6qD8JPRfoj5UCjpg%3D%3D

O LMIA – Labour Market Impact Assessment – não é um processo de imigração. É um documento que o empregador canadense precisa obter com o governo antes de contratar um trabalhador estrangeiro.
Um LMIA favorável indica que o empregador precisa contratar um trabalhador estrangeiro para fazer o trabalho e que nenhum trabalhador canadense ou residente permanente está disponível para fazê-lo. Depois que o empregador recebe o LMIA, o aplicante pode solicitar uma permissão de trabalho.

O Owner Operator LMIA é o mesmo processo, porém a empresa contratante é a própria pessoa que deseja imigrar e que vai cuidar da empresa.
O processo geralmente é utilizado para quem deseja comprar um negócio existente ou deseja abrir uma nova empresa no Canadá.
Alguns dos requisitos básicos:
(Obs. pode haver mudança no programa e nas comprovações por conta da pandemia)

– Necessário ser dono de pelo menos 50% de uma empresa no Canadá.
– Comprovação de qualificação e experiência de trabalho compatíveis com a empresa que deseja abrir no Canadá.
– Comprovação de posição relevante na empresa e que a mesma precisa do dono para funcionar.
– Plano de negócio completo, detalhando o tipo de negócio, produtos e serviços que serão oferecidos pela empresa, público alvo, concorrentes, fornecedores e planejamento financeiro compatível com o mercado canadense.
– Criar oportunidade de vaga de trabalho para no mínimo um canadense/residente permanente no primeiro ano de operação.
– Não existe a exigência de investimento inicial.

Empreendedor, conte com a GoNorth para realizar o seu negócio no Canadá.
Oferecemos suporte durante todo o processo, desde o início do planejamento até a tão sonhada Residência Permanente.

Outros posts

Imigração para Investidores

Para você que tem interesse em imigrar para o Canadá como autônomo/investidor, seguem as informações iniciais sobre programas de investidor, self employed, LMIA e LMIA Owner